Páginas

terça-feira, 30 de junho de 2015

PR sob nova direção em Jucurutu

zenaide_maia_e_marcio_soares
O Partido da República está sob nova direção em Jucurutu, quarto maior colégio eleitoral do Seridó. A ex-vereadora Daguia Soares, esposa do vereador Márcio Soares assumiu a presidência da legenda com a responsabilidade de renovar seus quadros.
Também na comissão provisória o empresário Jessé Lopes, cotado para entrar na disputa eleitoral do próximo ano em Jucurutu. O PR ganhará novas filiações e vai estimular lideranças jovens na cidade. O deputado estadual George Soares e a deputada federal Zenaide Maia apoiam a nova comissão do partido em Jucurutu.

Reforma política: Renan se reúne com ex-presidente Lula e senadores do PT e do PMDB

O presidente do Senado, Renan Calheiros, tomou café da manhã com o ex-presidente da República Luiz Inácio Lula da Silva e senadores do PT e do PMDB. O assunto principal do encontro foi a reforma política.


Senado aprova MP que reajusta tabela do Imposto de Renda

O Senado aprovou hoje (30) a Medida Provisória (MP) 670/2015 que reajusta a tabela mensal do Imposto de Renda Pessoa Física (IRPF). O texto foi aprovado conforme texto enviado pela Câmara dos Deputados, sem alterações promovidas pelos senadores.

A MP concede reajuste escalonado das bases de cálculo da tabela progressiva do Imposto de Renda. O reajuste vai de 4,5%, para a faixa de renda mais alta, a 6,5%, para a faixa de renda mais baixa (isenta). A renda mensal máxima para isenção passa a ser R$ 1.903,98. Os reajustes valem a partir de abril de 2015 e surgiram de negociações do governo com o Congresso para manter o veto ao reajuste linear de 6,5% para a tabela.

Grécia não paga dívida ao FMI e entra oficialmente em calote

Acabou às 19h de Brasília o prazo para a Grécia pagar cerca de 1,6 bilhão de euros ao Fundo Monetário Internacional (FMI). Sem ter quitado a parcela do resgate financeiro, o país entrou oficialmente em calote com os credores internacionais.
Com o calote, a Grécia deixará de ter acesso aos empréstimos do FMI e perde direito de voto no fundo. O não pagamento da dívida pode fazer o país sair da zona do euro, grupo de países que adotam a moeda única.
Mais cedo, o país tinha pedido ao FMI para adiar o pagamento das parcelas por quatro meses. O governo grego recorreu a um mecanismo, usado na década de 1990 pela Nicarágua e pela Guiana, que permite que países beneficiados por linhas de socorro do fundo adiem o pagamento de três a cinco anos, tempo de duração dos empréstimos.
Em nota, o FMI confirmou o não recebimento da parcela e informou que o pedido da Grécia para estender o prazo de pagamento ainda será avaliado. “Informamos nosso Comitê Executivo de que a Grécia está agora em atraso e que só pode receber financiamentos do FMI uma vez que as pendências estejam sanadas. Também confirmamos que o FMI recebeu um pedido das autoridades gregas por uma extensão da obrigação de pagamento que vencia hoje, que ainda irá para discussão do Comitê Executivo”.
Hoje, os ministros de Finanças da zona do euro recusaram o pedido do governo grego de estender o programa de resgate financeiro. Sem acesso às linhas especiais de crédito, a Grécia não teve dinheiro para pagar a parcela devida ao FMI.
Gastos públicos elevados e descontrole das contas, entre outros motivos, levaram a Grécia à atual situação. Em assistência financeira desde 2010, o país recebeu dois empréstimos dos parceiros europeus e do Fundo Monetário Internacional totalizando 240 bilhões de euros. Em troca, o governo grego comprometeu-se a cumprir duras medidas de austeridade.
Os aumentos de impostos, a redução de benefícios sociais e o corte de gastos públicos puseram a população em um grande aperto financeiro. No início do ano, Alexis Tsipras, líder da legenda radical de esquerda Syriza, venceu as eleições prometendo renegociar a dívida com os credores internacionais e rever a política de austeridade.

19 candidatos disputarão as 5 vagas para a eleição do Conselho Tutelar de Serra do Mel


 
VEJA A LISTA


No último domingo, 28, foi aplicada a avaliação de conhecimentos aos 23 pré-candidatos ao Conselho Tutelar de Serra do Mel, tendo sido aprovados dezenove candidatos e reprovados quatro.

A prova teve 20 questões e o candidato teria que ter um aproveitamento de no mínimo, 60%. Ou seja, 12 questões.

Abaixo, a lista dos concorrentes com as respectivas pontuações:


CLASSIF.
NOME
PONTOS
PERCENTUAL
RESULTADO
ELIETE PEREIRA
17
85%
Aprovada
FRANCISCO DE ASSIS GOMES
17
85%
Aprovado
JOAQUIM FRANCIMÁRIO GOMES DE BRITO
17
85%
Aprovado
MARIA CLÁUDIA FERNANDES ALVES
17
85%
Aprovada
MARIA GEONEIDE CARLOS CÂMARA
17
85%
Aprovada
RAFAEL LINHARES DA SILVA
17
85%
Aprovado
EDCARLA LUCENA BARBOSA DA SILVA
16
80%
Aprovada
FRANCISCA TAMIRES LUCENA VIANA
16
80%
Aprovada
ALYSSON BRUNO RODRIGUES
15
75%
Aprovado
10º
JUCIARA DA SILVA NOGUEIRA
15
75%
Aprovada
11º
DIOGO DA SILVA MOURA
14
70%
Aprovado
12º
PAULO SÉRGIO DA SILVA JÚNIOR
14
70%
Aprovado
13º
RAFAELY SOUZA DO NASCIMENTO
14
70%
Aprovada
14º
ZILEIDE BATISTA FIGUEIREDO
14
70%
Aprovada
15º
AMÓS CÉSAR SOBRINHO
12
60%
Aprovado
16º
CRISTIANE REINALDO DE MEDEIROS
12
60%
Aprovada
17º
FRANCISCO CARLOS BEZERRA DE LEMOS
12
60%
Aprovado
18º
GISÉLIA GARCIAS DA SILVA
12
60%
Aprovada
19º
HELOÍSA CARLA OLIVEIRA
12
60%
Aprovada
20º
WIGNA DANTAS PEREIRA
11
55%
Reprovada
21º
FRANCISCA NATÁLIA NETA LOPES
10
50%
Reprovada
22º
MARCOS JOSÉ ALVES DANTAS
10
50%
Reprovado
23º
VALDEÍ VIEIRA GONZAGA SALES
08
40%
Reprovado
Créditos: Blog do Aldo Araújo

5ª e 6ª rodada do Campeonato Intermunicial de Serra do Mel

A bola rolou no último final de semana no III Campeonato Intermunicipal de Serra do Mel, que tem a frente da organização o desportista Raimundo Dantas, conhecido como Raimundinho.

No último sabado, 27, as 14 horas, deveriam se enfrentar Mato Grosso e Porto do Mangue, mas a equipe portomanguense não compareceu, saindo vitorioso o Mato Grosso por WxO. Em seguida, as 16 horas, foi o clássico Guanabara e Alagoas, atuais vice-campeã e 3º lugar no Campeoanto Municipal de Inverno deste ano, o confronto saiu empatado de 1x1.

No domingo, 28, as 14 horas, se confrontaram Paraná e Minas Gerais, a atual campeã do Campeonato Municipal de Inverno venceu a equipe mineira por 2x0, com os gols de Clecinho e Klebinho. A segunda partida da tarde,  Paraú derrotou o Tocantins por 1x0. 

RN é o estado com o maior número de professores com dupla jornada

Pesquisa divulgada hoje pelo jornal Folha de São Paulo mostra que o Rio Grande do Norte é o Estado com o maior número de professores com jornada dupla. Mais da metade dos docentes afirmaram ter jornada dupla ou até tripla. Os números foram levantados pelo Inep:



Crispiniano nega fechamento de chapa e diz que escolha de vice obedecerá critérios

EXPLICANDO

Quase que imediatamente após a nossa postagem abaixo, Crispiniano Neto utilizou-se das redes sociais para explicar acerca de como se dará a escolha do candidato a vice de Manoel Cândido, que, segundo Crispim, é o nome unânime no partido, apesar, diz ele, "que ainda tem muito tempo para ser decidido oficialmente".

Destaques do texto publicado por Crispim:

Não existe "ainda" uma decisão
Também tive o prazer de receber Manuel Cândido, Diana, Pedrão e outros companheiros do PT em minha casa, no domingo passado. Ressalto que a presença da ex-vereadora Diana Érica nas atividades do PT, com a presença de Manuel Cândido ou mesmo quando ele não pode estar presente devido às suas obrigações estaduais, como presidente da FETARN, têm sido muito positivas e propositivas. Entretanto, não existe decisão de nome de vice para 2016, ainda. 

Manoel é unanimidade no partido
A decisão unânime do partido é pelo nome de MANUEL CÂNDIDO como candidato em 2016, coisa que ainda tem muito tempo para ser decidido oficialmente, pois isto só ocorre na convenção. 

Discussão sobre vice está suspensa
... Até lá, conforme reunião do partido ocorrida há cerca de um mês, ESTÁ SUSPENSA TODA E QUALQUER DECISÃO E ATÉ DISCUSSÃO SOBRE NOME DE VICE. 

Nomes possíveis
Outros companheiros e companheiras também estão nesta luta e merecem ter seus nomes apreciados, quando chegar a devida hora. 

Vice tem que somar na oposição
O candidato a vice, será escolhido entre os que compõem os partidos que vierem a formar a frente de oposição na Serra do Mel, ao lado de Manuel Cândido. 

Critérios de escolha
A decisão, quando for chegado o tempo, deverá se basear em PELO MENOS CINCO critérios: 1. Nome que contar com mais apoio dos partidos que formarão a frente; 2. Nome que tenha competência comprovada para o cargo e respeito da maioria das lideranças que comporão a frente pró Manuel; 3. Nome que tiver boa receptividade junto ao povo; 4. Nome que some votos e credibilidade à chapa; 5. Nome que durante essa trajetória até a convenção tenha procurado construir a possibilidade de vitória da candidatura do PT à PMSM. 

Diana tem as características para o posto
Da minha parte reconheço que Diana apresenta essas características e tem procurado construir O PARTIDO e a CANDIDATURA a prefeito. Mas a decisão está em aberto e tem muito tempo para outros pretendentes entre os partidos que fizeram as frentes que disputaram a eleição vitoriosa de 2012 e a suplementar de 2013 e, até lideranças de outros partidos que, decepcionados com o desastre administrativo da atual gestão que usurpou a prefeitura, venham somar sem barganha e com sinceridade, dignidade e respeito. 

Créditos: Blog do Aldo Araujo

Seis dos oito federais do RN votarão a favor da redução da maioridade penal

Maioria da bancada do Rio Grande do Norte na Câmara Federal anuncia que votará a favor da redução da maioridade penal para crimes hediondos



Rogério Marinho é a favor da redução da maioridade penal
Rogério Marinho é a favor da redução da maioridade penal
Está prevista para esta terça-feira (30) a votação da Proposta de Emenda Constitucional (PEC) que reduz a maioridade penal de 18 para 16 anos, em casos de crimes hediondos, pela Câmara Federal. A maioria da bancada potiguar votará a favor da proposta que tramita na Casa. Dos sete deputados federais ouvidos pela nossa reportagem, cinco se colocaram a favor da proposta.
Os deputados Rogério Marinho (PSDB), Felipe Maia (DEM), Fábio Faria (PSD), Beto Rosado (PP), Walter Alves (PMDB) e Antônio Jácome (PMN) adiantaram que votarão a favor. Rafael Motta (PROS) e Zenaide Maia (PR) se colocaram contra. Até o fechamento da matéria, o deputado Walter Alves (PMDB) ainda não havia manifestado posição.
Antônio Jácome votará a favor, mas faz ressalvas
Antônio Jácome votará a favor, mas faz ressalvas
Rogério Marinho
O deputado federal Rogério Marinho disse que é a favor da redução da maioridade penal para crimes considerados hediondos. O tucano acredita que o jovem de 16 anos deve assumir suas responsabilidades, como votar, por exemplo, e responder por possíveis crimes cometidos.
“Hoje, sem punição, os jovens infratores se sentem a vontade para praticar todo tipo de ato criminoso, porque sabem que a legislação garante a impunidade. Sou a favor por uma questão de justiça. Basta de impunidade. O jovem com 16 anos já sabe deliberar sobre o que é certo ou errado. A redução da maioridade ajuda a frear essa situação no sentido em que, ao saber que lhe foi dada imputabilidade, praticar crimes terá outro peso”, declarou.
Fábio Faria defende regime diferenciado de prisão
Fábio Faria defende regime diferenciado de prisão
Antônio Jácome
Antônio Jácome ponderou que, apesar de votar a favor da matéria, não tem convicção de que haverá efetiva redução da criminalidade. Ele se mostrou intrigado com a “euforia” dos seus colegas parlamentares em relação ao tema. No entanto, ressaltou que espera estar contribuindo para uma maior conscientização da juventude no que diz respeito à prática de crimes.
“O adolescente de 16 anos, já no mundo globalizado com muitos recursos de informação, já se encontra amadurecido para saber o que é um crime, um delito, uma contravenção. Então, a esperança é de que essa nova Lei possa estimular a esses adolescentes a pensarem melhor e a cometerem menos crimes”, afirmou o parlamentar.
Walter Alves
O peemedebista Walter Alves externou que é favorável à proposta porque entende que as atuais medidas de ressocialização não têm dado resultado. “A bandidagem tem ido atrás dos menores de 18 anos para colocar no caminho do crime. Acredito que a partir dos 16 anos, já se sabe o que é certo e errado. Por tanto, está apto para ser responsável pelos seus atos”, argumentou.
Fábio Faria
Rafael Motta é contra redução (Foto: Wellington Rocha)
Rafael Motta é contra redução (Foto: Wellington Rocha)
O deputado Fábio Faria frisou que sua posição favorável à PEC que reduz a maioridade penal está em consonância com o sentimento da sociedade de evitar a impunidade de jovens que praticam crimes hediondos. No entanto, Faria defendeu um regime diferenciado de prisão para os menores de 18 anos.
“Sou favorável à redução da maioridade para os casos de crime hediondo. E ainda que os menores sejam recolhidos em unidades especiais até os 18 anos, quando seriam transferidos automaticamente para os presídios. Votei pela constitucionalidade do projeto na Comissão de Constituição e Justiça e também sou favorável para que este assunto seja levado a Plenário. A sociedade espera um novo posicionamento do Congresso para que crimes graves cometidos por jovens não sigam impunes”, argumentou.
Beto Rosado
Beto Rosado (PP) seguiu a mesma linha de pensamento demonstrada por Fábio. Ele disse que votará a favor, mas com restrições ao regime prisional. “Defende um regime especial de encarceramento. Que os adolescentes sejam presos em locais diferentes dos maiores de 18 anos”, reforçou.
Deputado Felipe Maia analisa manobra do Planalto para fundar PL (Foto: Alberto Leandro)
Felipe Maia ressalta que governo precisa investir em educação (Foto: Alberto Leandro)
Felipe Maia
O democrata Felipe Maia disse que votará favorável à matéria, mas defendeu que, ao mesmo tempo, haja mais investimentos em Educação, para que as crianças estejam menos propensas a seguirem o caminho do crime. Ele também cobrou melhorias no sistema prisional.
“Certamente que reduzir a maioridade não resolverá o problema da segurança pública do país em sua integralidade. Mas acredito que é um passo importante, nos casos de crimes hediondos. Somado a isso é imprescindível maiores investimentos no sistema prisional e, acima de tudo, na educação. Crianças e jovens que estão na sala de aula são menos propensos a seguirem no caminho do crime”, frisou o parlamentar.
Zenaide diz que é contra, mas pode mudar de opinião (Foto: Alberto Leandro)
Zenaide diz que é contra, mas pode mudar de opinião (Foto: Alberto Leandro)
Rafael Motta
Ex-secretário de Juventude do Rio Grande do Norte, Rafael Motta disse que votará contra a PEC. “Por uma questão de coerência, decidi pelo voto contrário, porque fui secretário da Juventude e debati muito sobre o assunto. Como vereador e como deputado, me comprometi a representar os jovens no Legislativo. Então, não posso votar contra a recuperação de jovens. Sou totalmente avesso à impunidade, mas acredito que a questão passa por outras responsabilidades do Poder Público”, afirmou o deputado.
Zenaide Maia
Representante feminina na bancada do RN, Zenaide Maia adiantou que, até o momento, tende a votar contra. Entretanto, admitiu que poderá rever a posição. “Desde que surgiu a proposta de Emenda à Constituição que altera a legislação sobre a maioridade penal tenho ouvido muitas pessoas, o que me fez refletir bastante. Trata-se de uma questão muita complexa. Temos que ver o lado crescente da violência, mas também o lado da questão na prática. Onde iremos colocar esses menores? Será que muda alguma coisa? Será que crianças cada vez menores não serão aliciadas ainda mais para cometer os crimes? Temos de reformar o modelo dos reformatórios e fazer muitas mudanças. Por isso meu voto até agora será contra. Claro que ainda teremos algumas discussões até amanhã no dia da votação, mas até agora penso assim”, declarou.
Créditos: Portal no Ar

COMDICA divulgará hoje relação dos aprovados


TESTE

Neste domingo, dos 25 pré-candidatos ao Conselho Tutelar de Serra do Mel, 23 compareceram para a avaliação de conhecimento, que foi aplicada pela Comissão Eleitoral do COMDICA.

Acima, o Gabarito da prova.

De acordo com o Edital já publicado, será divulgado o resultado oficial, com a relação dos aprovados, que ficarão aptos para concorrerem no voto, às 5 vagas para o Conselho Tutelar de Serra do Mel.

Estamos aguardando o resultado oficial que será divulgado ainda hoje a relação dos aprovados na prova.

Créditos: Blog do Aldo Araujo

Dilma diz que não respeita delatores e nega irregularidades na campanha

A presidente Dilma Rousseff disse que não houve nenhuma irregularidade na sua campanha presidencial e que não respeita delatores.
A presidente Dilma Rousseff disse hoje (29) que não houve nenhuma irregularidade na sua campanha presidencial e que não respeita delatores. Em entrevista a jornalistas em Nova Iorque, ela comentou as informações divulgadas pela imprensa sobre a delação premiada de Ricardo Pessoa, presidente da empreiteira UTC, assinada com o Supremo Tribunal Federal (STF). De acordo com reportagens, Pessoa listou 18 pessoas que teriam recebido recursos do esquema de corrupção investigado pela Operação Lava Jato.
"Não tenho esse tipo de prática. Eu não aceito e jamais aceitarei que insinuem sobre mim ou sobre minha campanha qualquer irregularidade. Primeiro porque não houve. Segundo, porque se insinuam, alguns têm interesses políticos", disse.
A presidente contou ter aprendido na escola, em Minas Gerais, a não gostar da figura de pessoas que traem algum movimento e entregam colegas, como a do delator da Inconfidência Mineira, movimento que buscava libertar o Brasil de Portugal no século 19.
"Eu não respeito o delator. Até porque eu estive presa na ditadura, e sei o que é. Tentaram me transformar numa delatora. A ditadura fazia isso com as pessoas presas. E eu garanto para vocês que resisti bravamente. Até em alguns momentos fui mal interpretada quando disse que em tortura a gente tem de resistir porque senão você entrega seus presos. Então, eu não respeito nenhuma fala. Agora, acho que a Justiça tem de pegar tudo que ele disse e investigar. Tudo, sem exceção. A Justiça, o Ministério Público e a Polícia Federal", defendeu.
Dilma afirmou ainda que vai tomar providências "se ele [Ricardo Pessoa] falar sobre mim", e que no que diz respeito às citações aos ministros do seu governo, a situação será avaliada com cada um. Entre os citados pelo executivo, conforme as reportagens, aparecem os ministros da Casa Civil, Aloizio Mercadante, e o da Secretaria de Comunicação Social, Edinho Silva – como beneficiários do esquema.
Créditos: nominuto.com.

segunda-feira, 29 de junho de 2015

Assú: Ivan sem prestígio com Robinson e Henrique

O ministro do Turismo Henrique Eduardo Alves visitou a cidade de Assú no final de semana passado ocasião em que – durante uma reunião – recebeu o projeto da construção do santuário de Irmã Lindalva.
Dizem que mais parecendo um peixe fora d’água o prefeito, Ivan Jr, participou do encontro e buscou uma reaproximação com Alves, após o episódio da campanha eleitoral passada em que “pulou de galho” no segundo turno para apoiar o atual governador Robinson Faria que, por sua vez, não teve o apoio do prefeito na campanha inteira, apesar do pedido do seu filho e deputado federal Fábio Faria.
Ao que parece Ivan anda desprestigiado. Os meios políticos locais dizem que o governador não quer muita conversa com ele, nem tampouco o ministro. Entre as duas maiores lideranças do Estado Ivan Jr está“queimado”.

domingo, 28 de junho de 2015

Artistas locais enriquecem programação do Mossoró Cidade Junina

Com o objetivo de valorizar os artistas locais, o São João da Terra levou ao palco da Estação das Artes Elizeu Ventania diversos talentos durante toda a programação do Mossoró Cidade Junina (MCJ) 2015. Idealizada pelo prefeito Francisco José Júnior a iniciativa, é uma novidade neste ano e recebeu um grande público durante todas as atrações.
O cantor Herbert Mota participou de todo o evento e elogiou. “É um projeto que já nasceu grande em público, criatividade e competência. Não tenho dúvidas de que essa é a maior edição do Mossoró Cidade Junina, que cresce e melhora a cada ano e já está consolidado e reconhecido nacionalmente”, destacou.
Os artistas se apresentaram no principal palco do evento. Ao todo, 31 cantores participaram do São João da Terra, que iniciou dia 12 e foi até a noite deste sábado, 27. Maria das Graças Menezes, servidora pública, elogiou. “Foi a primeira vez que vi cantores de Mossoró tão valorizados. Espero que se repita todos os anos”, disse.
Outros eventos do Mossoró Cidade Junina, como a Cidadela Junina e a Chuva de Bala, também tiveram os artistas locais em seus eventos, tendo aprovação do público e da classe artística da cidade. “É importante ressaltar que um projeto como esse valoriza a cultura local, com músicas e danças, vestimentas que fortalecem a tradição e história do nosso povo”, comemorou Isolda Dantas, secretária de Cultura.

São Gonçalo e as certezas para o pleito de 2016

Fátima Bezerra recebe título de Cidadã Gostosense


A senadora Fátima Bezerra recebeu nesta sexta-feira (26) o título de cidadã do município de São Miguel do Gostoso. A homenagem foi concedida pela Câmara Municipal, que atendeu iniciativa dos vereadores José Jubenick (PT), José de Agostinho (PSD) e Nenê de Lala (PMDB). “Estou muito feliz de ter a partir de hoje a vocês, povo desta terra tão querida, como meus conterrâneos”, agradeceu Fátima.
A atuação da senadora nas duas décadas de vida pública, muitas delas em favor da região do Mato Grande, motivaram a homenagem. Fátima ressaltou o potencial econômico da região e a perspectiva de crescimento e melhoria da qualidade de vida da população. Ela citou a expectativa de investimentos por parte do Governo Federal para os municípios do entorno, sobretudo na área de educação